ESTUPIDEZ

PROJETO OBSCURANTISTA PRETENDE
PROIBIR LIVROS ESTRANGEIROS
00000000000000000000000000000000000000000

LÍDER DO PT QUER PROIBIR LIVROS IMPORTADOS;

AINDA NÃO PROPÔS QUEIMÁ-LOS

O líder do PT na Câmara dos Deputados, Vicentinho (SP), acaba de dar entrada em um projeto de lei obscurantista, que objetiva proibir a importação de livros no Brasil, sob a alegação risível de coibir a “evasão de divisas”.

Na justificação do seu projeto, Vicentinho se revela indignado com o “impressionante” número de publicações gráficas utilizadas em organismos públicos, destacando que são hoje “potenciais compradores” e que, por esse motivo, não devem “favorecer o mercado externo”.

Logo no artigo 1º do seu projeto, verdadeiro monumento à ignorância e à estupidez, Vicentinho tascou: “É vedado aos órgãos públicos federal, estaduais e municipais a aquisição de publicações gráficas de procedência estrangeira para utilização de qualquer espécie e natureza da administração pública”.

Compreensivo, o obtuso parlamentar ainda propõe a exceção de publicações “de natureza especial”, sabe-se lá o que isso significa, mas “sem similaridade com produtos fabricados nopaís”.

O deputado Vicentinho ainda não propôs a queima de livros estrangeiro em praça pública, como na Inquisição ou no III Reich.*

(*) Diário do Poder