SE IGUALANDO À DILMA

Aumenta a reprovação do governo Temer para 55% da população, diz CNI/Ibope

Avaliação positiva do governo é feita por apenas 10% dos brasileiros


BRASÍLIA – Pesquisa da Confederação Nacional da Indústria feita pelo Ibope (CNI/Ibope), divulgada nesta sexta-feira, mostra que a avaliação negativa do governo Michel Temer aumentou de 46% para 55%. Apenas 10% dos brasileiros consideram o governo como ótimo ou bom, na última pesquisa realizada em dezembro eram 13%.
A avaliação regular do governo recuou de 35% para 31%. A parcela dos que aprovam a maneira de Temer governar caiu de 26% para 20%. Para 56% dos entrevistados, no entanto, o atual governo é melhor ou igual ao governo Dilma.

O levantamento foi feito entre os dias 16 e 19 de março, com 2.000 pessoas em 126 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Entre as notícias mais lembradas pela população, a reforma da Previdência aparece em primeiro lugar, citada por 26% da população. Os impostos e as taxas de juros são os itens com pior avaliação do governo. Dos entrevistados, 85% desaprovam a carga tributária e 80% as taxas de juros. Em seguida, aparecem as áreas de saúde e segurança pública, com 79% cada uma.

A pesquisa detectou um aumento no percentual dos que desaprovam as ações e políticas relativas a impostos – passou de 80% para 85% -, e redução dos que aprovam as políticas e ações de combate à fome e à pobreza – caiu de 26% para 2%.*

(*) O GLOBO

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone