OPERAÇÃO LESA-PÁTRIA

DENÚNCIA DA POLÍCIA FEDERAL: ACIONISTA DO BANCO PANAMERICANO VENDEU AÇÕES QUE NÃO VALIAM NADA PRA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL COM BÊNÇÃOS DE LULA E DILMA 

O novo processo que foi dado a público semana passada mostra que uma delegada da Polícia Federal de Brasília abriu processo contra a venda de ações do Banco Panamericano pra Caixa Econômica por 738 milhões sendo que as ações não valiam nada porque o banco tinha rombo. A Caixa pagou ao acionista do Banco Panamericano 738 milhões e a Polícia Federal pede o cancelamento do negócio por ferir dinheiro público porque o dinheiro foi usado de maneira duvidosa pelo relatório da Polícia Federal. O Ministério Público Federal aceitou a abertura do processo e o juiz federal também abriu um processo de averiguações sobre eventuais fraudes. Quem leu o despacho do juiz viu que ele quer desfazer o negócio e quer que quem recebeu o dinheiro entregue o dinheiro aos cofres da Caixa Econômica. Se alguém souber quem era o acionista que recebeu os 738 milhões pode contar pra gente que a gente tem dúvida.* (*) Blog do James Akel

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone