TIRO NO PÉ

Fachin inclui Temer em inquérito

O ministro Edson Fachin (STF)  autorizou a inclusão de Michel Temer em um inquérito que investiga Eliseu Padilha e Moreira Franco dentro da Operação Lava Jato.

É o inquérito que apura repasses da Odebrecht em troca do “atendimento” a interesses da empreiteira na Secretaria de Aviação Civil.

O ministro do STF atendeu a um pedido de Raquel Dodge –cujo antecessor na PGR, Rodrigo Janot, não havia incluído o presidente na investigação.

Na entrevista que deu à Jovem Pan na terça, Temer já havia demonstrado irritação com a possibilidade de ser contemplado pelo inquérito.*

(*) O ANTAGONISTA