SANATÓRIO GERAL

Amante esperta

Gleisi finge que o PT rejeita autocríticas não por medo de cadeia, mas só para incomodar a direita e a imprensa

“Não tem autocrítica no texto. O PT faz autocrítica na prática. Nós não faremos autocrítica para a mídia e não faremos autocrítica para a direita do país”.

 

(Gleisi Hoffmann, presidente do PT, conhecida no Departamento de Propinas da Odebrecht pelo codinome Amante, recusando-se a admitir que os figurões do partido se negam a fazer autocrítica porque se confessarem tudo o que andaram fazendo irão todos para a cadeia).

 

(*) Blog do Augusto Nunes