SANATÓRIO GERAL

Besta quadrada

Humberto Costa, o Drácula da Odebrecht, jura que a Lava Jato desmantelou o maior esquema corrupto da História só para impedir que Lula disputasse a eleição

“Temos conhecimento de que a parcialidade da Lava Jato no Brasil começou há muito tempo. No ano passado, a perseguição se intensificou para evitar que o líder nas pesquisas eleitorais, o ex-presidente Lula, disputasse o pleito. Hoje, estamos vendo os responsáveis por tudo isso sob absoluta suspeita. Eles agiram de foram criminosa e corrupta. Eles tentaram organizar fundações e entidades por meio de sociedade oculta e agenciaram entre si a realização de palestras. Agora, temos certeza que a perseguição a Lula também teve um caráter não só político, mas também financeiro”.

(*) Humberto Costa, senador do PT de Pernambuco, conhecido pelo codinome Drácula no Departamento de Propinas da Odebrecht, numa reunião do Parlamento do Mercosul ocorrida no Uruguai, garantindo que, só para impedir que Lula disputasse a eleição presidencial de 2018, a Operação Lava Jato executou manobras diversionistas que incluem, até o momento, 1.237 mandados de busca e apreensão, 184 acordos de colaboração premiada, 11 acordos de leniência, 2.476 procedimentos, 160 prisões preventivas e 159 condenações, fora o resto).**

 

(**) Blog do Augusto Nunes