IRMÃOS METRALHA

SEGUNDA TURMA CONDENA GEDDEL E LÚCIO VIEIRA LIMA

Resultado de imagem para Geddel e Lúcio Vieira Lima - irmãos ladrões - charges

Com o voto de Cármen Lúcia, a Segunda Turma condenou por associação criminosa e lavagem de dinheiro os irmãos Geddel e Lúcio Vieira Lima.

“Me pareceu comprovado sem sombra dúvida razoável que teriam se associado de forma estável e permanente para a prática dos crimes de lavagem de dinheiro, superando portanto as observações, ponderações e divergências apresentadas”, disse.

A ministra seguiu Edson Fachin e Celso de Mello para considerar os irmãos culpados pelos dois delitos. Mais cedo, votaram pela absolvição por associação criminosa Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes — os dois votaram pela condenação apenas por lavagem.

Após um intervalo, os ministros voltarão a se reunir para definir a pena.

Os Vieira Lima são acusados de desviar R$ 20 milhões da Caixa por intermédio de Lúcio Funaro; de receberem propina de R$ 3,9 milhões da Odebrecht; e de se apropriarem de R$ 2 milhões de salários de ex-secretários parlamentares.

A ação penal é resultado da descoberta, em 2017 pela PF, de R$ 51 milhões que estavam escondidos num apartamento da família em Salvador.*

(*) O Antagonista