A GRANDE FAMIGLIA

Os irmão 01 e 03 têm mostrando possuir métodos semelhantes para tentar explicar casos envolvendo milicianos cariocas.

Eis dois exemplos recentes, um que remete a Adriano da Nóbrega e outro a Ronnie Lessa, hoje preso, acusado de ter matado Marielle Franco.

Rui Costa, governador da Bahia, afirma que Flavio Bolsonaro mentiu ao publicar em suas redes sociais imagens do corpo do miliciano Adriano Nóbrega. Segundo Flávio, Adriano teria sido torturado. Mas Costa diz que o vídeo é falso. (Aliás. Flávio, acusado de ter mentido, até agora não justificou e tentou desmentir Costa)

Meses atrás, em outro caso envolvendo milicianos e morte, Carlos Bolsonaro também foi às redes sociais mostrar o áudio de um porteiro do condomínio Vivendas da Barra para contar o caso à sua maneira. Viu-se depois que o porteiro que aparecia no áudio de Carluxo não era o mesmo que dizia ter recebido o o.k. de  Jair Bolsonaro para um dos matadores de Mariell Franco entrar no condomínio.*

(*) Lauro Jardim – O Globo